quinta-feira, 20 de março de 2008

Conselho Municipal de Saúde: vitória do controle social

A mobilização de trabalhadores, entidades e usuários da saúde no município de São Paulo, com vigília, atos, carta aberta e abaixo-assinado, venceu o autoritarismo da Prefeitura e garantiu os trabalhos do atual Conselho Municipal de Saúde no controle social da saúde no município.No início do ano, a Prefeitura, alegando irregularidades, anulou o processo de escolha dos 32 conselheiros para o período 2008/2009. O Pleno do Conselho já havia referendado o processo e, para não trazer danos aos usuários do SUS, decidiu tomar posse à revelia no dia 24 de janeiro. No dia 15 de fevereiro, a Justiça decidiu em favor do Conselho, anulando determinação da Prefeitura e condenando o Secretário Municipal de Saúde a homologar os eleitos. O Conselho tem a função de propor, avaliar, acompanhar e fiscalizar as políticas de saúde e o funcionamento do Sistema Único de Saúde no município e, embora seja presidente do órgão, o Secretário não pode interferir no processo eleitoral nem se sobrepor à decisão do Pleno do Conselho.O Sindsaúde-SP, por meio de Maria Araci dos Santos (titular), diretora da Região Leste I, e Rinaldo de Novaes Gomes (suplente), diretor da Secretaria de Políticas e Gestão em Saúde, é um dos representantes dos profissionais de saúde no Conselho.Veja íntegra da Portaria com a relação completa dos conselheiros, eleitos legitimamente em 10/11/2007 (Diário Oficial do Município - Portaria 130, de 19/03/08):PORTARIA 130, DE 19 DE MARÇO DE 2008GILBERTO KASSAB, Prefeito do Município de São Paulo, usando das atribuições que lhe são conferidas por lei,RESOLVE:1. Por força de decisão liminar proferida na ação civil pública 311/053.08.104.169-2, da 2ª Vara da Fazenda Pública de São Paulo- Capital, designar para integrarem o Conselho Municipal de Saúde, mandato 2008/2009, criado nos termos do artigo 218 da Lei Orgânica do Município de São Paulo, com atividades e atribuições regidas pela Lei 12.546/98, regulamentada pelo Decreto 38.576/99, os seguintes representantes:I -
REPRESENTANTES DA SOCIEDADE CIVIL1-
1 -Representantes do Movimento Popular de Saúde da Região LesteTitular: Frederico Soares de LimaSuplente: Paulo Roberto Belinelo-
2 -Representantes do Movimento Popular de Saúde da Região SudesteTitular: Francisca Ivaneide CarvalhoSuplente: Maria Valvolina Costa Nóbrega de Lima-
3 -Representantes do Movimento Popular de Saúde da Região CentroTitular: Carmem MascarenhasSuplente: Everson Duarte Almeida
4- Representantes do Movimento Popular de Saúde da Região SulTitular: Francisca Andrade QuinterosSuplente: Maria de Lourdes Martins
5- Representantes do Movimento Popular de Saúde da Região OesteTitular: Denis Veiga Junior
Suplente: Clóvis Feliciano Soares
6- Representantes do Movimento Popular de Saúde da Região NorteTitular: Maria Cícera de SallesSuplente: João Francisco Ribeiro
7- Representantes dos Movimentos SociaisTitular: José Guilherme de Andrade Movimento da População NegraSuplente: Olga Leon de Queiroga
Movimento do IdosoTitular: Márcia Regina Nestardo Movimento das MulheresSuplente: Maria do Rosário Santos
6 -Movimento IndígenaTitular: Jarquelene Oliveira do Nascimento FacespSuplente: Edicleia Generosa da Silva
7 -Movimento ReligiosoTitular: Célia Aparecida Assunpção Movimento ComunitárioSuplente: Orlanilton Henrique do Nascimento
Movimento ComunitárioTitular: Doralice Sacramento Brito FepanSuplente: Walter Ferreira da Silva Ação da Cidadania
8- Representantes dos Portadores de PatologiasTitular: Marcio Miranda LER/DORTSuplente: Nadir Francisco do Amaral APROFETitular: Pedro Carlos Stelian APPDGSuplente: Vita Aguiar de Oliveira APDH
9- Representantes da Pessoa com DeficiênciaTitular: Francisca das Chagas Félix MDPDSuplente: Alcione Maria Lourenço ACEF
10- Representantes das Entidades Sindicais Gerais PatronaisTitular: Sálvio Di Girólamo Associação Brasileira da Indústria de MedicamentosIsentos de PrescriçãoSuplente: Lauro Domingos Moretto Associação Brasileira da Indústria de MedicamentosIsentos de Prescrição11-
11-Representantes das Centrais SindicaisTitular: Simone Dias de Moura Nova CentralSuplente: Neusa Maria Paiva CUTII- REPRESENTANTES DOS TRABALHADORES DA SAÚDE
1- Representantes das Entidades Sindicais de Categoria Profissionais da Área da Saúde.Titular: Ana Lúcia Firmino Sindicato dos Enfermeiros do Estado de São PauloSuplente: Carlos Alberto Grandini Izzo Sindicato dos MédicosTitular: Fábio Souza dos Santos Sindicato dos PsicólogosSuplente: Deodato Rodrigues Alves Sindicato dos Farmacêuticos
2- Representantes das Entidades Sindicais GeraisTitular: Ana Rosa Garcia da Costa SindsepSuplente: Omar Braga Mendonça SindsepTitular: Maria Araci dos Santos SindsaúdeSuplente: Rinaldo de Novaes Gomes Sindsaúde
3- Representantes dos Conselhos Regionais Profissionais de Função FimTitular: Fabiane Salvarani dos S. Cunha CRFSuplente: Magdália Pereira de Souza CORENTitular: Pedro Claúdio Bortz CREFSuplente: Simone Alves dos Santos CRFA
4- Representantes das Associações de Profissionais LiberaisTitular: Maria Lucia Silva Associação dos Auxiliares de EnfermagemSuplente: Naderge Maria Lamesia Associação dos Auxiliares de EnfermagemIII -
REPRESENTANTES DAS INSTITUIÇÕES GOVERNAMENTAIS1- Representantes dos Institutos de Ensino Superior e Institutos de Pesquisa PúblicosTitular: Paulo Capel Narvai Universidade de São Paulo - USPSuplente: Raquel Rapode Gaidzenski Universidade de São Paulo -USP2- Representantes dos Institutos de Ensino Superior e Institutos de Pesquisa PrivadosTitular: José Lúcio M. Machado UNICID - Universidade da Cidade de São PauloSuplente: Gilberto Tadeu Reis da Silva Faculdade Santa Marcelina3- Representantes da Secretaria Municipal da SaúdeTitular: Paulo Kron PsanquevichSuplente: Roger NahoumTitular: Antonio Célio Camargo MorenoSuplente: Lauro Iyda ImaiTitular: Elizabete MicheleteSuplente: Regina Ayaneia de Lima UyedaTitular: Amaury Zatorre AmaralSuplente: Walquiria Régia VilaçaIV -
REPRESENTANTES DE PRESTADORES E FORNECEDORES OU PRODUTORES DE MATERIAIS DE SAÚDE - PRESTADOR LUCRATIVO
1- Representantes de Entidades Prestadoras de Serviços de Saúde ou Produtoras de Materiais de SaúdeTitular: Juljan D. Czapski SINDHOSPSuplente: Erik Oswaldo Von Eye SINDHOSP2- Representantes de Entidades Prestadoras de Serviços Sem Finalidades Lucrativas - FilantrópicoTitular: Edison Ferreira da Silva Santa Casa de Misericórdia de São PauloSuplente: Carlos Marcelo Neves da Silva CEJAM2. Cessar, em conseqüência, as designações anteriormente efetivadas.
PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO,
aos 19 de março de 2008, 455º da fundação de São Paulo.
GILBERTO KASSAB, Prefeito
Fonte: SINDSAÚDE-SP

segunda-feira, 17 de março de 2008

POSSE DO CONSELHO MUNICIPAL DE SAÚDE

PORTARIA 130/08 - PREF
DE 19 DE MARÇO DE 2008
GILBERTO KASSAB, Prefeito do Município de São Paulo, usando das atribuições que lhe são
conferidas por lei,
RESOLVE:
1. Por força de decisão liminar proferida na ação civil pública 311/053.08.104.169-2, da 2ª Vara
da Fazenda Pública de São Paulo- Capital, designar para integrarem o Conselho Municipal de
Saúde, mandato 2008/2009, criado nos termos do artigo 218 da Lei Orgânica do Município de
São Paulo, com atividades e atribuições regidas pela Lei 12.546/98, regulamentada pelo
Decreto 38.576/99, os seguintes representantes:
I - REPRESENTANTES DA SOCIEDADE CIVIL
1- Representantes do Movimento Popular de Saúde da Região Leste
Titular: Frederico Soares de Lima
Suplente: Paulo Roberto Belinelo
2- Representantes do Movimento Popular de Saúde da Região Sudeste
Titular: Francisca Ivaneide Carvalho
Suplente: Maria Valvolina Costa Nóbrega de Lima
3- Representantes do Movimento Popular de Saúde da Região Centro
Titular: Carmem Mascarenhas
Suplente: Everson Duarte Almeida
4- Representantes do Movimento Popular de Saúde da Região Sul
Titular: Francisca Andrade Quinteros
Suplente: Maria de Lourdes Martins
5- Representantes do Movimento Popular de Saúde da Região Oeste
Titular: Denis Veiga Junior
Suplente: Clóvis Feliciano Soares
6- Representantes do Movimento Popular de Saúde da Região Norte
Titular: Maria Cícera de Salles
Suplente: João Francisco Ribeiro
7- Representantes dos Movimentos Sociais
Titular: José Guilherme de Andrade Movimento da População Negra
Suplente: Olga Leon de Queiroga Movimento do Idoso
Titular: Márcia Regina Nestardo Movimento das Mulheres
Suplente: Maria do Rosário Santos Movimento Indígena
Titular: Jarquelene Oliveira do Nascimento Facesp
Suplente: Edicleia Generosa da Silva Movimento Religioso
Titular: Célia Aparecida Assunpção Movimento Comunitário
Suplente: Orlanilton Henrique do Nascimento Movimento Comunitário
Titular: Doralice Sacramento Brito Fepan
Suplente: Walter Ferreira da Silva Ação da Cidadania
8- Representantes dos Portadores de Patologias
Titular: Marcio Miranda LER/DORT
Suplente: Nadir Francisco do Amaral APROFE
Titular: Pedro Carlos Stelian APPDG
Suplente: Vita Aguiar de Oliveira APDH
9- Representantes da Pessoa com Deficiência
Titular: Francisca das Chagas Félix MDPD
Suplente: Alcione Maria Lourenço ACEF
10- Representantes das Entidades Sindicais Gerais Patronais
Titular: Sálvio Di Girólamo Associação Brasileira da Indústria de Medicamentos Isentos de
Prescrição
Suplente: Lauro Domingos Moretto Associação Brasileira da Indústria de Medicamentos
Isentos de Prescrição
11- Representantes das Centrais Sindicais
Titular: Simone Dias de Moura Nova Central
Suplente: Neusa Maria Paiva CUT
II- REPRESENTANTES DOS TRABALHADORES DA SAÚDE
1- Representantes das Entidades Sindicais de Categoria Profissionais da Área da Saúde.
Titular: Ana Lúcia Firmino Sindicato dos Enfermeiros do Estado de São Paulo
Suplente: Carlos Alberto Grandini Izzo Sindicato dos Médicos
Titular: Fábio Souza dos Santos Sindicato dos Psicólogos
Suplente: Deodato Rodrigues Alves Sindicato dos Farmacêuticos
2- Representantes das Entidades Sindicais Gerais
Titular: Ana Rosa Garcia da Costa Sindsep
Suplente: Omar Braga Mendonça Sindsep
Titular: Maria Araci dos Santos Sindsaúde
Suplente: Rinaldo de Novaes Gomes Sindsaúde
3- Representantes dos Conselhos Regionais Profissionais de Função Fim
Titular: Fabiane Salvarani dos S. Cunha CRF
Suplente: Magdália Pereira de Souza COREN
Titular: Pedro Claúdio Bortz CREF
Suplente: Simone Alves dos Santos CRFA
4- Representantes das Associações de Profissionais Liberais
Titular: Maria Lucia Silva Associação dos Auxiliares de Enfermagem
Suplente: Naderge Maria Lamesia Associação dos Auxiliares de Enfermagem
III - REPRESENTANTES DAS INSTITUIÇÕES GOVERNAMENTAIS
1- Representantes dos Institutos de Ensino Superior e Institutos de Pesquisa Públicos
Titular: Paulo Capel Narvai Universidade de São Paulo - USP
Suplente: Raquel Rapode Gaidzenski Universidade de São Paulo -USP
2- Representantes dos Institutos de Ensino Superior e Institutos de Pesquisa Privados
Titular: José Lúcio M. Machado UNICID - Universidade da Cidade de São Paulo
Suplente: Gilberto Tadeu Reis da Silva Faculdade Santa Marcelina
3- Representantes da Secretaria Municipal da Saúde
Titular: Paulo Kron Psanquevich
Suplente: Roger Nahoum
Titular: Antonio Célio Camargo Moreno
Suplente: Lauro Iyda Imai
Titular: Elizabete Michelete
Suplente: Regina Ayaneia de Lima Uyeda
Titular: Amaury Zatorre Amaral
Suplente: Walquiria Régia Vilaça
IV - REPRESENTANTES DE PRESTADORES E FORNECEDORES OU PRODUTORES DE MATERIAIS DE
SAÚDE - PRESTADOR LUCRATIVO
1- Representantes de Entidades Prestadoras de Serviços de Saúde ou Produtoras de Materiais
de Saúde
Titular: Juljan D. Czapski SINDHOSP
Suplente: Erik Oswaldo Von Eye SINDHOSP
2- Representantes de Entidades Prestadoras de Serviços Sem Finalidades Lucrativas -
Filantrópico
Titular: Edison Ferreira da Silva Santa Casa de Misericórdia de São Paulo
Suplente: Carlos Marcelo Neves da Silva CEJAM
2. Cessar, em conseqüência, as designações anteriormente efetivadas.
PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO, aos 19 de março de 2008, 455º da fundação de
São Paulo.
GILBERTO KASSAB, Prefeito PORTARIA 130/08 - PREF
DE 19 DE MARÇO DE 2008
GILBERTO KASSAB, Prefeito do Município de São Paulo, usando das atribuições que lhe são
conferidas por lei,
RESOLVE:
1. Por força de decisão liminar proferida na ação civil pública 311/053.08.104.169-2, da 2ª Vara
da Fazenda Pública de São Paulo- Capital, designar para integrarem o Conselho Municipal de
Saúde, mandato 2008/2009, criado nos termos do artigo 218 da Lei Orgânica do Município de
São Paulo, com atividades e atribuições regidas pela Lei 12.546/98, regulamentada pelo
Decreto 38.576/99, os seguintes representantes:
I - REPRESENTANTES DA SOCIEDADE CIVIL
1- Representantes do Movimento Popular de Saúde da Região Leste
Titular: Frederico Soares de Lima
Suplente: Paulo Roberto Belinelo
2- Representantes do Movimento Popular de Saúde da Região Sudeste
Titular: Francisca Ivaneide Carvalho
Suplente: Maria Valvolina Costa Nóbrega de Lima
3- Representantes do Movimento Popular de Saúde da Região Centro
Titular: Carmem Mascarenhas
Suplente: Everson Duarte Almeida
4- Representantes do Movimento Popular de Saúde da Região Sul
Titular: Francisca Andrade Quinteros
Suplente: Maria de Lourdes Martins
5- Representantes do Movimento Popular de Saúde da Região Oeste
Titular: Denis Veiga Junior
Suplente: Clóvis Feliciano Soares
6- Representantes do Movimento Popular de Saúde da Região Norte
Titular: Maria Cícera de Salles
Suplente: João Francisco Ribeiro
7- Representantes dos Movimentos Sociais
Titular: José Guilherme de Andrade Movimento da População Negra
Suplente: Olga Leon de Queiroga Movimento do Idoso
Titular: Márcia Regina Nestardo Movimento das Mulheres
Suplente: Maria do Rosário Santos Movimento Indígena
Titular: Jarquelene Oliveira do Nascimento Facesp
Suplente: Edicleia Generosa da Silva Movimento Religioso
Titular: Célia Aparecida Assunpção Movimento Comunitário
Suplente: Orlanilton Henrique do Nascimento Movimento Comunitário
Titular: Doralice Sacramento Brito Fepan
Suplente: Walter Ferreira da Silva Ação da Cidadania
8- Representantes dos Portadores de Patologias
Titular: Marcio Miranda LER/DORT
Suplente: Nadir Francisco do Amaral APROFE
Titular: Pedro Carlos Stelian APPDG
Suplente: Vita Aguiar de Oliveira APDH
9- Representantes da Pessoa com Deficiência
Titular: Francisca das Chagas Félix MDPD
Suplente: Alcione Maria Lourenço ACEF
10- Representantes das Entidades Sindicais Gerais Patronais
Titular: Sálvio Di Girólamo Associação Brasileira da Indústria de Medicamentos Isentos de
Prescrição
Suplente: Lauro Domingos Moretto Associação Brasileira da Indústria de Medicamentos
Isentos de Prescrição
11- Representantes das Centrais Sindicais
Titular: Simone Dias de Moura Nova Central
Suplente: Neusa Maria Paiva CUT
II- REPRESENTANTES DOS TRABALHADORES DA SAÚDE
1- Representantes das Entidades Sindicais de Categoria Profissionais da Área da Saúde.
Titular: Ana Lúcia Firmino Sindicato dos Enfermeiros do Estado de São Paulo
Suplente: Carlos Alberto Grandini Izzo Sindicato dos Médicos
Titular: Fábio Souza dos Santos Sindicato dos Psicólogos
Suplente: Deodato Rodrigues Alves Sindicato dos Farmacêuticos
2- Representantes das Entidades Sindicais Gerais
Titular: Ana Rosa Garcia da Costa Sindsep
Suplente: Omar Braga Mendonça Sindsep
Titular: Maria Araci dos Santos Sindsaúde
Suplente: Rinaldo de Novaes Gomes Sindsaúde
3- Representantes dos Conselhos Regionais Profissionais de Função Fim
Titular: Fabiane Salvarani dos S. Cunha CRF
Suplente: Magdália Pereira de Souza COREN
Titular: Pedro Claúdio Bortz CREF
Suplente: Simone Alves dos Santos CRFA
4- Representantes das Associações de Profissionais Liberais
Titular: Maria Lucia Silva Associação dos Auxiliares de Enfermagem
Suplente: Naderge Maria Lamesia Associação dos Auxiliares de Enfermagem
III - REPRESENTANTES DAS INSTITUIÇÕES GOVERNAMENTAIS
1- Representantes dos Institutos de Ensino Superior e Institutos de Pesquisa Públicos
Titular: Paulo Capel Narvai Universidade de São Paulo - USP
Suplente: Raquel Rapode Gaidzenski Universidade de São Paulo -USP
2- Representantes dos Institutos de Ensino Superior e Institutos de Pesquisa Privados
Titular: José Lúcio M. Machado UNICID - Universidade da Cidade de São Paulo
Suplente: Gilberto Tadeu Reis da Silva Faculdade Santa Marcelina
3- Representantes da Secretaria Municipal da Saúde
Titular: Paulo Kron Psanquevich
Suplente: Roger Nahoum
Titular: Antonio Célio Camargo Moreno
Suplente: Lauro Iyda Imai
Titular: Elizabete Michelete
Suplente: Regina Ayaneia de Lima Uyeda
Titular: Amaury Zatorre Amaral
Suplente: Walquiria Régia Vilaça
IV - REPRESENTANTES DE PRESTADORES E FORNECEDORES OU PRODUTORES DE MATERIAIS DE
SAÚDE - PRESTADOR LUCRATIVO
1- Representantes de Entidades Prestadoras de Serviços de Saúde ou Produtoras de Materiais
de Saúde
Titular: Juljan D. Czapski SINDHOSP
Suplente: Erik Oswaldo Von Eye SINDHOSP
2- Representantes de Entidades Prestadoras de Serviços Sem Finalidades Lucrativas -
Filantrópico
Titular: Edison Ferreira da Silva Santa Casa de Misericórdia de São Paulo
Suplente: Carlos Marcelo Neves da Silva CEJAM
2. Cessar, em conseqüência, as designações anteriormente efetivadas.
PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO, aos 19 de março de 2008, 455º da fundação de
São Paulo.
GILBERTO KASSAB, Prefeito

segunda-feira, 10 de março de 2008

Plenária Municipal de Saúde - 1º Março 2008

Plenária Municipal de Saúde - 1º de Março/2008
A Constituição Federal de 1988 garante Saúde como direito gratuito a todos brasileiros e em todos os níveis de atendimento. Os serviços de saúde devem ser organizados de forma descentralizada para que o Governo Federal, estados e municípios possam atender a população e suas necessidades. Os serviços de saúde devem seguir as regras do Sistema Único de Saúde para atender desde a mais simples consulta ou uma cirurgia, como transplante, por exemplo.
O SUS é fruto da luta da população pelo direito à Saúde como bem universal. E a forma da população fiscalizar o governo, suas contas e ações é o Controle Social, que no caso da cidade de São Paulo se dá pelo Conselho Municipal de Saúde de São Paulo e pelos movimentos de saúde, sociais, de trabalhadores e acadêmicos. Órgão colegiado, composto por gestores, trabalhadores e usuários da saúde. É responsável por fiscalizar, avaliar, controlar e propor soluções que atendam às necessidades de saúde. O Conselho Municipal de Saúde funciona de forma autônoma e o governo tem tanto poder nele quanto qualquer membro representante da população ou dos trabalhadores e tem na Conferência Municipal de Saúde seu espaço máximo de deliberação, a qual o governo deveria acatar suas decisões.
Devido à falta de organização do sistema municipal de saúde, a ausência de transparência na prestação de contas e contratos irregulares o Conselho Municipal de Saúde reprovou a política de implementação das unidades de Assistência Médica Ambulatorial e a entrega das Unidades Básicas de Saúde, Ambulatórios e Hospitais a entidades e organizações sociais, que não prestam contas de suas ações.
Os conselheiros municipais de saúde tem 2 anos de mandato e seus segmentos têm autonomia no processo eleitoral para indicar os novos membros para o Conselho Municipal de Saúde de São Paulo. No dia 10 de Novembro de 2007 ocorreu a eleição do Conselho Municipal de Saúde de São Paulo. Eleição amplamente divulgada nas 31 subprefeituras durante o processo que concretizou a 14ª Conferência Municipal de Saúde. No dia 17 de Janeiro, o Secretário Municipal de Saúde, também presidente do conselho, resolveu anular a eleição, com o apoio do Prefeito Kassab. Abriu novo processo eleitoral e não reconheceu a legitima e legal posse dos conselheiros no dia 24 de Janeiro e montou uma comissão eleitoral composta por pessoas que perderam a eleição realizada em novembro.


O Ministério Público Estadual de São Paulo entrou com ação contra a Secretaria Municipal de Saúde e a Justiça garantiu a posse aos conselheiros eleitos e empossados. Mas o Secretário da Saúde, Januário Montone, continuou desrespeitando a justiça e proibiu a entrada dos conselheiros e conselheiras na sede do Conselho Municipal de Saúde. Em seguida o secretário questionou legalmente a ação do Ministério Público e teve seu pedido recusado no dia 28 de Fevereiro (conforme processo Nº. 754.297.5/6-00) Mesmo assim, continua com seu processo eleitoral com o objetivo de colocar no Conselho Municipal de Saúde pessoas e entidades que aprovem o que for do interesse do Secretário Januário Montone e do Prefeito Kassab.
A cidade de São Paulo está sem seu órgão que fiscaliza e avalia os serviços de saúde. Enquanto o Prefeito contínua com medidas paliativas na saúde o número de reclamações têm aumentado constantemente na prefeitura.
Todo cidadão tem direito a participar do controle das políticas de Saúde. Seja nas unidades de saúde, hospitais, AMAs e outros serviços.
O Conselho Municipal de Saúde precisa funcionar sem a interferência do secretário municipal e ele deve respeitar e acatar suas decisões e as deliberações da Conferência Municipal de Saúde realizada em 2007. Participe do conselho de sua unidade de saúde. Fortaleça o Conselho Municipal de Saúde. Os conselheiros municipais de saúde eleitos para o biênio 2008/2009 pedem apoio para o reconhecimento do Conselho e de sua eleição, que já foi reconhecida pela Justiça. Assine o abaixo-assinado: http://www.abaixoassinado.org/assinaturas/abaixoassinado/478
Escreva para: cmssp@prefeitura.sp.gov.br e ouvidoriasaude@prefeitura.sp.gov.br
com cópia para plenariamunicipalsaudesp@yahoo.com.br
Ou para ouvidoria da prefeitura Av. São João, 473 - 16º andar Telefone: 0800-17-5717
E Secretária Municipal de Saúde de SP Endereço: R. General Jardim, 36 - Vila Buarque Telefone: 3218-4000
Plenária Municipal de Saúde de São Paulo
criado por fabiosouzas

Pesquisar este blog